Levibreton KLG/SF – com correia transportadora

Para lixamento/polimento de lotes pequenos ou médios de chapas de granito ou mármore. A estrutura robusta da máquina é fixada no piso e suporta a bancada equipada com uma correia transportadora acionada por motor com inversor. A correia transportadora também é apoiada no piso. A viga porta-cabeçotes é acionada por um motor controlado por inversor, que provê o movimento recíproco. Ela se desloca sobre guias montadas em duas pontes laterais da estrutura. Os cabeçotes montados na viga são posicionados em mancais firmes de ferro fundido e cada um deles é acionado por um par de cilindros pneumáticos para garantir o trajeto vertical correto. Estes cabeçotes são ativados por ar comprimido e a pressão de trabalho de cada um pode ser ajustada individualmente. Cada cabeçote pode ser equipado com satélites especiais Breton com 6 sapatas oscilantes para lixamento de chapas de granito ou pratos porta-abrasivos para polimento de mármore. Também estão disponíveis pratos porta-abrasivos especiais para polimento de mármore, que podem ser enganchados sob os satélites especiais Breton com sapatas oscilantes. Um sensor eletrônico posicionado na entrada da correia transportadora detecta a forma da chapa garantindo o ajuste automático do trajeto da viga porta-cabeçotes na largura das chapas e da subida/descida dos satélites.

Unidades de lixamento/polimento

As unidades de lixamento/polimento em ferro fundido resultam e um projeto desenvolvido para dar maior rigidez sem aumentar o peso. Um par de cilindros com hastes internas protegidas garantem o funcionamento suave dos cabeçotes. Cada cabeçote pode ser equipado com satélites especiais Breton com 6 sapatas oscilantes para lixamento de chapas de granito ou pratos porta-abrasivos para polimento de mármore. Também estão disponíveis pratos porta-abrasivos especiais para polimento de mármore, que podem ser enganchados sob os satélites especiais Breton com sapatas oscilantes.

Com sapatas oscilantes

O satélite especial Breton com seis sapatas oscilantes são resultados da experiência ímpar da Breton. Completos e exaustivos testes de campo foram convertidos em modelos matemáticos que relacionam todos os parâmetros de trabalho (velocidade de rotação do satélite, frequência de oscilação, ângulo de oscilação, comprimento dos porta-sapatas, pressão de trabalho). As correlações ideais entre todos os parâmetros foram assim definidas, de modo a maximizar a capacidade de remoção do satélite e a qualidade de polimento. Os componentes internos (patenteados) garantem uma oscilação "guiada" constante dos porta-sapatas, com o jogo mecânico mínimo. É por isso que, quando montadas no satélite Breton, as ferramentas diamantadas sempre trabalham da forma mais adequada e a produção das ferramentas abrasivas tradicionais é maximizada.

Share this link

Did you find the information on this page useful?

Thank you for helping us to improve our services

An error has occurred. Please retry later.